Resumo da Rodada 13 da Premier League

O Manchester City foi forçado a trabalhar até ao fim para manter o seu registo sensacional de começo de campanha, enquanto Liverpool, Chelsea e Tottenham voltaram a ceder terreno. Muitos pontos de discussão em mais uma rodada da Liga Inglesa, e o nosso Especialista revê a ação analisando atuações e não somente placares.

 

Totais de Gols Reais vs Esperados (xG) da Rodada 13 da Premier League 

 

Comparando com semanas anteriores, os placares desse fim-de-semana na Premier League foram todos relativamente ‘justos’. O triunfo do Watford por 3-0 no campo do Newcastle acabou sendo o placar mais ‘injusto’, embora eles tenham merecido vencer após uma boa atuação – com a margem de vitória sendo um pouco exagerada. O time de Marco Silva voltou a impressionar, criando imensas chances de gol, e condenando o Newcastle à sua quarta derrota consecutiva.

 

O Tottenham foi travado em casa (1-1) pelo West Brom na primeira partida de Gary Megson como técnico interino dos visitantes, com os Spurs continuando em dificuldades para encontrar consistência em seus placares. Ainda assim, suas atuações são consistentes e eles criam muitas chances regularmente. Eles foram desafortunados em sair com apenas um ponto do confronto, com o Infogol calculando que a partir das chances criadas, eles teriam vencido em 61% das vezes.

 

Spurs voltam a marcar passo em Wembley 

 

O Huddersfield conseguiu frustrar o Manchester City até perto do fim com um bloco defensivo que estava recolhendo muitos dividendos. O gol de Raheem Sterling foi suficiente para assegurar um triunfo de 2-1, com o City voltando a gerar imensas chances para marcar (3.13xG). E embora não tenham estado no seu melhor, o placar podia ter sido um pouco mais confortável tendo em conta as chances que criaram.

 

O West Ham conseguiu o seu primeiro ponto sob o comando de David Moyes graças a um empate de 1-1 contra o Leicester. Foi uma atuação bem melhorada onde os Hammers pareceram melhor preparados e mais acutilantes do que em semanas anteriores, e eles criaram várias chances de gol. Duas outras equipes do fundo da tabela, Swansea e Bournemouth, também empataram, com nenhuma delas criando muitas chances num empate sem gols inteiramente justificado.

 

Liverpool e Chelsea empataram 1-1 naquele que foi um embate muito renhido e emocionante em Anfield. O grande jogo do fim-de-semana foi disputado a alta velocidade, e resultou num placar muito justo. O Manchester United precisou de um gol afortunado de Ashley Young para vencer o Brighton por 1-0, porém esse foi um placar merecido tendo em conta nova atuação de qualidade (1.78 – 0.67 xG).

 

Man United vence novamente em casa 

 

O Palace justificou o valor na sua aposta vencendo o Stoke por 2-1 com um gol tardio, noutra partida onde o seu sistema de jogo acabou impressionando, com a criação de muitas chances e concedendo poucas. O Burnley teve um sentimento de ‘Deja-Vu’ em Turf Moor já que voltou a conceder um gol em período de acréscimos para perder com o Arsenal. Alexis Sanchez marcou de penalidade para reclamar os três pontos, porém os Gunners mereceram o triunfo. O Southampton atropelou o Everton por 4-1 naquele que foi o placar mais ‘justo’ do fim-de-semana, já que os Saints criaram boas chances para marcar e concederam muito poucas (0.19 xG). Os Toffees precisam melhorar e rápido.

 

Equipe a ter em conta na Rodada 14Man Utd

O Manchester United viaja para enfrentar um Watford em ótima forma na Rodada 14. Apesar dos Hornets estarem jogando bem ultimamente, eles continuam concedendo boas chances de gol em suas partidas, e isso é algo de que o Manchester United pode tirar partido a um bom preço (1.70).

 

Postagens recentes no blog